Campanha “Saboreando conquistas”

Campanha sobre consciência alimentar

Alimentação equilibrada

Pessoal, para que possamos render bem e nos divertir nos treinos precisamos estar saudáveis e para isso nossa alimentação deve ser equilibrada. Por isso devemos saber quais são os grupos de alimentos que vão nos deixar nutridos. Não adianta comermos somente um grupo de alimento, precisamos de todos eles. Vejamos:

Alimentos reguladores

Na prateleira dos alimentos reguladores, onde tudo é muito colorido, reina a mais perfeita ordem. Não é à toa: são eles que ajudam o corpo a funcionar como um relógio. Os alimentos reguladores são ricos em vitaminas e sais minerais, que encontramos nas verduras, frutas e legumes.

São eles que mantêm o organismo funcionando direitinho, pois regulam as funções vitais e auxiliam os órgãos a fazer o seu trabalho. As verduras e frutas, por exemplo, são ricas em fibras, que ajudam o estômago e o intestino a funcionar melhor. Outros alimentos ricos em fibras, como grãos, pão e macarrão integrais, também entram nesse grupo.

Na família das verduras, temos alface, rúcula, agrião, espinafre, almeirão, acelga, brócolis, couve, e muitas outras. Na família das frutas, tem gente que não acaba mais: maçã, banana, laranja, mamão, pêra, melão, melancia… Os legumes vêm logo atrás: tomate, pepino, cenoura, berinjela. Dá para fazer uma salada imensa e colorida com os alimentos reguladores.

Alimentos Energéticos

Eles têm a força! Os alimentos energéticos são ricos em açúcares (carboidratos) e gorduras (lipídios). Os carboidratos e lipídios são verdadeiros super-heróis para o corpo: fornecem energia para o nosso organismo funcionar, para você poder correr e brincar à vontade. Vá colocando no carrinho: pães, macarrão, cereais como arroz e milho, frutas e doces, alimentos ricos em carboidratos. É energia que não acaba mais.

Para obter energia, nosso organismo recorre primeiro aos carboidratos. Eles sustentam as atividades muscular e mental, e também o funcionamento dos órgãos. Mas quando a gente abusa deles, a balança logo avisa! Porque se ingerimos carboidratos em excesso, eles são transformados em gordura e “estocados” em alguma parte do corpo.
O açúcar que a gente usa para adoçar comidas e bebidas vem da cana-de-açúcar, aquela planta com folhas compridas que forma os canaviais. Mas não é o único açúcar que existe. O leite e as frutas têm seus próprios açúcares naturais, chamados lactose e frutose.

Alguns vegetais acumulam energia em forma de amido, que é um tipo de carboidrato. São ricos em amido: a batata, a mandioca, o milho, o trigo. Com a digestão do amido e dos açúcares, obtemos a glicose. Ela é necessária para o movimento dos músculos – ou seja, sem ela, não faríamos nada!

Alimentos construtores

A prateleira dos alimentos construtores é uma agitação só. É porque o grupo dos construtores não pára quieto! Os alimentos desse grupo trabalham duro, sempre ajudando o organismo a se renovar e se fortalecer.

No grupo dos construtores estão os alimentos ricos em proteínas, que a gente encontra na carne, no peixe, no frango, na clara dos ovos, e também no leite e seus derivados, como queijo e iogurte.

Tem gente que acha mais saudável não comer carne ou escolhe não comer nada de origem animal: os vegetarianos. Ainda bem que existem também as proteínas de origem vegetal… Entram nessa turma grãos como feijão, lentilha e grão-de-bico, a soja, e frutas oleaginosas (que contêm óleo) como amendoim, nozes, amêndoa e castanha-do-pará.
Até suas unhas são formadas por proteínas!

As proteínas são substâncias fundamentais para o bom funcionamento do organismo, pois são a matéria básica na formação das células. Os glóbulos vermelhos do nosso sangue, por exemplo, necessitam da proteína para a sua formação. O mesmo acontece com os nossos pêlos, cabelos e unhas (e os chifres dos animais!).

Uma coisa curiosa acontece com as proteínas na digestão: elas são quebradas em aminoácidos, que vão construir novas proteínas no nosso organismo. As proteínas também são responsáveis pelo crescimento, aumento da resistência do corpo às doenças e agem até na cicatrização de ferimentos.

Água Vitaminas e sais minerais

As vitaminas e sais minerais têm uma vizinha especial de prateleira: a água.

A água é essencial para o corpo. É tão importante que constitui cerca de 70% do nosso peso. Até os nossos ossos têm água, e tudo aquilo que comemos, dos animais aos vegetais. Verduras e legumes são especialmente ricos em água e sais minerais. Algumas frutas, como o melão e a melancia, têm quase 90% de água e suprem boa parte da necessidade hídrica do corpo.

Na água, encontramos alguns sais minerais, que também são encontrados em uma série de alimentos, desde carnes até vegetais. Os sais minerais são necessários para o funcionamento das nossas células, e participam ativamente do nosso metabolismo.

Já as vitaminas são importantíssimas! Cada comida tem um pouquinho de vitamina. Sabia que “vitamina” vem da palavra latina “vita”, que significa vida? Pois é, o organismo precisa das vitaminas em pequenas quantidades diárias, pois elas atuam diretamente no metabolismo, que é o conjunto de reações químicas que geram energia e são responsáveis pela formação, desenvolvimento e renovação das nossas células.
Mas existem coisas sobre os sais minerais e as vitaminas que você não sabe…

Os sais minerais são muitos, e cada um faz um trabalho diferente. Temos o cálcio, que mantém firmes nossos ossos; o ferro, importante para a respiração celular (ele é um componente fundamental do sangue, pois faz a troca de gás carbônico pelo oxigênio); o cobre, que influi na formação dos tecidos da pele; o zinco, que ajuda o sistema imunológico; o fósforo, importante para o funcionamento dos músculos; o sódio, que regula a quantidade de água no corpo; o potássio, que ajuda no metabolismo das proteínas e na contração dos músculos; o iodo, que regula o funcionamento da tireóide, uma glândula responsável pelo crescimento.

O sal que se usa para cozinhar chama-se cloreto de sódio. Ele é obtido pela evaporação da água do mar, em lugares chamados salinas. O cloreto de sódio pode ser retirado das minas, lugares que eram recobertos pelo mar há milhões de anos.

VITAMINAS

As vitaminas são parte da constituição das enzimas, proteínas que promovem as reações químicas no organismo.Sem vitaminas ou enzimas, essas reações não acontecem, ou se processam muuuuito lentamente, prejudicando o bom funcionamento do corpo.

A maioria das vitaminas não podem ser produzidas nem sintetizadas pelo organismo, então temos que ingeri-las por meio dos alimentos.

Dê uma olhada aqui para ver a função de algumas vitaminas, e onde encontrá-las:.

Vitamina Para quê é bom Onde encontrar
A Visão Leite, queijo, iogurte, legumes
Frutas e legumes de coloração laranja: cenoura, mamão, laranja
B12 Ficar forte Ovos
C Sistema imunológico Acerola, limão
D Ossos Leite, queijo, iogurte
F Pele Óleo de soja, óleo de girassol
K Sangue Verduras de cor verde-escura: espinafre, couve, agrião
P Cabelo Frutas

Fonte: http://www.canalkids.com.br/alimentacao/index.php3

Últimos Tweets


Follow @lpmjiujitsu

Visitantes